Apoios

© News Farma 2022
Todos os direitos reservados

O acesso à área reservada do Médico News, bem como a receção das suas newsletters é restrita a profissionais de saúde.

Icon Entrevistas
Dermatologia
terça-feira, 26 julho 2022 11:14
A importância de “envolver a família e desmitificar informação” para o acompanhamento do sobrevivente
Imagem 800x1276
Episódio 5 | Melanoma Talks
| Dr. Hugo Nunes e Dr. Pedro Barreira

O último episódio das Melanoma Talks foi dedicado ao tema “Depois do melanoma: Acompanhamento do sobrevivente” e contou com a colaboração do Dr. Hugo Nunes, médico oncologista no IPO de Lisboa, e do Dr. Pedro Barreira, especialista em Medicina Geral e Familiar (MGF) na Clínica CUF Belém. Durante a conversa, os médicos explanaram o tema, reforçando o papel da MGF em todas as fases da doença.

O Dr. Hugo Nunes começa por referir que “o médico de família tem um papel primordial em todas as doenças por definição”, e lança a questão: “Qual é a abordagem, no sentido de adequação de cuidados, a um doente que acabou de tratar uma doença que tem apesar de tudo um prognóstico difícil e que se associa a um risco de recaída”.

Em reposta, o Dr. Pedro Barreira esclarece que “a pergunta é fundamental”, uma vez que “a Medicina Geral e Familiar é base de qualquer serviço ou sistema de saúde” e explica que no caso de um diagnóstico de melanoma não só o doente deve ser seguido, mas toda a rede familiar envolvente.

Ao longo de toda a discussão fica claro a importância da Medicina Geral e Familiar com uma atuação “transversal”, e com objetivos claros e alinhados de forma multidisciplinar: “envolver a família, partilhar e desmitificar informação de forma a evitar a desinformação”.

Assista ao episódio aqui.

Seta Anterior
Artigo Anterior